competição de arquitectura cheltenham art gallery and museum por marq

cheltenham art gallery and museum – competição de arquitectura

competição de arquitectura cheltenham art gallery and museum por marq

Competição aberta de arquitectura para o desenvolvimento do projecto da recuperação e ampliação da Cheltenham Art Gallery and Museum

 

A nova sede da galeria de arte e museu de Cheltenham merecia à muito uma nova sede, com espaços interiores que reflictam a sua importância enquanto marco histórico da cidade, qualidade das suas colecções e serviços prestados à comunidade. O edifico existente já marcado por ampliações anteriores com várias épocas e “estilos” pedia para ser transformado num espaço arrojado e marcadamente virado para o século XXI. que através da sua presença e imagem anunciasse a dinâmica e não conformidade do que podemos encontrar no seu interior – materialização da essência das artes.

Foi evidente para nós durante o desenvolvimento desta competição de arquitectura a importância dada pelo museu ao símbolo/logótipo presente na fachada, uma peça de arte desenvolvida especialmente para este efeito.

competição de arquitectura cheltenham art gallery and museum por marq

Este símbolo, foi também para nós o conceito base para o desenvolvimento da nova sede. A duplicação dos seus elementos lineares e curvos foram  essenciais para a caracterização e desenvolvimento de todos os espaços interiores bem como para a sua imagem exterior. Objectivo?…. transformar esta nova intervenção/ imagem no “logótipo” do futuro museu de Cheltenham.

Este tema veio criar um desenho não convencional conferindo aos espaços de circulação uma força dinamita  e criativa. Enfatizamos a imagem forte e inovadora das novas fachadas criando uma tensão com as fachadas existentes capaz de anunciar o carácter inovador do seu interior.

competição de arquitectura cheltenham art gallery and museum por marqUsamos superfícies obliquas e coloridas nas circulações e entradas, permitindo a descoberta aos poucos dos espaços interiores, estes materiais de fibra e cor transmitem uma materialidade diferente através do uso de texturas e jogos de opacidade e transparência. Esta materialidade permite criar diferentes imagens ao longo do dia mudando do opaco ao translucido (noite) reflectindo as luzes e movimentos no seu interior.

Foram também incluídas inúmeras funcionalidades e opções de controlo de luz e temperatura com o objectivo de garantir altos índices de sustentabilidade.

Projecto desenvolvido em parceria com Arq. Mário Silv, Arq. Luís Barata, P06 Design e comunicação, LMSA

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *